Eleições... bleargh!

Pois é, chegou o momento de irmos até as urnas de novo e tentarmos eleger o menor dos males! Com ênfase em "tentarmos". Provavelmente, não vamos conseguir. Até porque é difícil ver quem é o pior!
Eu ainda não decidi em quem votar, nem pra prefeito, nem para vereador. Acho que vou usar a caminhada até o meu local de votação para ir, tipo, excluindo opções, torcendo para ver se sobra alguma. Isso pra prefeito, claro... Pra vereador, até tenho um ou dois nomes, mas, honestamente... Sei não!
De qualquer forma, a minha torcida é que para que passem logo essas eleições, porque está um saco tanta mentira, tanta discussão! Mas, só para desabafar, vou deixar uma coisinha, aqui:


É, eu sei, se anular, os outros é que vão escolher por você, estou deixando o meu poder de escolha de lado, etc, etc, etc...
Mas, honestamente, votar em quem? Pelo menos, se eu anular ou votar em branco, ninguém pode me culpar pela merda que vai dar (e sempre dá)!
Mas, vamos ver, ainda não bati o martelo disso...

Comentários

Aline Rodrigues disse…
Eu não saí de casa. Aqui no Rio, a Abstenção teve mais votos (ou não teve, né) do que os 2 que vão ao segundo turno.

E sobre aquela história que depois a gente não tem direito de reclamar: ué, a gente só tem se o nosso candidato vencer? E ué (2), eu não pago impostos de qualquer jeito? E ué (3) desde quando nossas reclamações foram ouvidas?

Postagens mais visitadas